“Eu Me Sinto Uma Garota Diferente Quando Estou No Alto”

A campeã de ‘snowboard’ ao longo da entrevista. Você a respeito as ondas, todavia não as do mar, todavia que tem a neve, a geada. Thora Bright foi ‘merendado’ a maioria dos campeonatos mundiais de ‘snowboard’ e aos seus 21 anos tem o universo do gelo a seus pés. Em um nação quente como o nosso, talvez, pensamos que era padrão ao vê-la em novas das campanhas da assinatura Roxy, mas estamos certos. Depois de receber três torneios de inverno esta última temporada 07/08, a marca de roupa esportiva que lhe foi dado a chance de vestir-se como uma rainha e a ‘desejo’.

Assim, com as calças e a jaqueta da jovem australiana desliza um ar vitoriano, juntamente com detalhes dourados e toque de veludo. Os óculos trazem diamantes e, no teu conjunto, se bordam coroas. Mas como uma criancinha não pode esquecer de suas funções, a roupa de Thora e também ‘fashion’ é prática. As linhas da tela se adapta ao corpo, há ventilação lateral no interior da malha para simplificar a fixação e revestimento acrescenta um capuz ajustável. As calças estão estrategicamente projetados para arredar o gelado de quando facilitam a transpiração. Uma coleção bela, todavia confortável.

Feliz, paciente, irradia doçura no tempo em que admira os outros projetos de seus colegas -Roxy mostrou com mais campeãs de ‘snow’ dessa iniciativa, entre elas está Kjersti Buaas-. Por trás de uns olhos vibrantes e uma naturalidade surpreendente, Thora ostenta a coroa da menina ‘snow’ mais fotografada do universo.

THORA BRIGHT: Eu quis fazer uma linha muito feminina, com diamantes e gráficos, buscando aparato divertidos. O influencia de alguma forma para receber? Por que o roxo em seus projetos? Eu escolhi o roxo já que eu amo muito e pelo motivo de me dava a emoção de que era um distintivo real. Toda a coleção leva uma coroa como símbolo, como se fosse a roupa pras ‘rainhas’, muito feminino.

Pois além de me perceber confortável, eu bem como amo de constatar-me como uma moça. Mas, eu imediatamente tentei focalizar mais para os utensílios e o design. Queria comprovar alguma coisa contrário do colorido, visto que isso centrou a coleção anterior de Roxy. T. B: É trabalhoso algumas vezes, no entanto a maior quantidade do tempo é envolvente.

permite-Lhe viajar a lugares de montanha, compete ao longo do inverno. O mais duro é que eu sou australiana e a minha família está lá, lhes echo de menos, todavia um dia retornarei. T. B: Bom, eu a todo o momento vivi numa área de montanha e toda a minha família pratique esqui e esportes de inverno.

Sempre amei. Mas se você perguntar no momento não imagino te expressar. Ainda hoje me pergunto como cheguei até por aqui, a competir a nível profissional. T. B: sinto-Me muito bem, nos picos mais altos, nas colinas sou uma menina contrário. �sente uma responsabilidade a ser uma referência pra milhões de garotas? T. B: É verdade que em outras partes do universo as gurias me olham e aquela que praticam ‘snowboard’ me dizem que gostariam de ser como eu.

  1. 1 Alimentos recomendados
  2. sete Mundo islâmico
  3. Aprenda com os profissionais
  4. Oscar Fisher (Argentina)
  5. 2 Participações em Copas das Confederações da FIFA
  6. 3 Os Castelos de Luís II
  7. um Temporada 2006/07
  8. Córsega: viagem a filha do mar e o sol

Isso me surpreende, me seja conquistado. Mas, por outro lado, eu acho que nos dias de hoje existem modelos errados para as adolescentes, como Paris Hilton. Por essa justificativa, uma assinatura como Roxy pesquisa exemplos mais autênticos e acima de tudo, divertidos, que estimulem os jovens a serem responsáveis e tomar as suas próprias decisões.

É possível que, ao ingerir, um pirralho cego tenha que fazer certas coisas que algumas garotas não exercem, tendo como exemplo, tocar a comida para saber o que é e onde está. Contudo, ele terá que aprender a utilizar os mesmos modais para ingerir que se usam em sua comunidade. Assim você será capaz de consumir com algumas pessoas sem que tua família se sinta envergonhada.

Rolar para cima